1. Elogiar os amigos dele

A mulher pode, com boa intenção, fazer um elogio do tipo: “Gostei muito do seu amigo Carlos, ele é muito atencioso e gentil”, após uma festinha com amigos, ou alguma outra reunião social. Dificilmente o marido deixará de sentir uma “ferroada” no seu coração, embora possa até não dizer nada. E se elogiar a beleza e os músculos do amigo do marido, então? “Nossa, que forte e bonito é seu amigo!”. Aí já é querer humilhar demais o pobre coitado e deixar o marido lá no chão mesmo…

2. Elogiar a mãe dele

Dizer para ele: “Sua mãe estava um doce hoje!”, pode magoar o marido, principalmente se você não é muito chegada à sua sogra. Seu marido pode até achar que sua tentativa de elogiar é, na verdade, uma crítica, feita com sarcasmo. Melhor não tentar elogiar muito a sogra, a não ser que ela seja alguém como a Madre Tereza de Calcutá. Existem sogras boas, mas na visão das noras, difícil uma sogra ser realmente um doce de coco…

3. Elogiar a delicadeza do boy

A palavra “delicado”, para os homens, tem um significado que mexe com sua mente primitiva. Dizer para o boy que ele foi muito delicado ao abordar determinada situação pode deixá-lo muito chateado. Melhor dizer que ele abordou a situação com “inteligência”, ou com “muita habilidade”. Isso poderá evitar que ele fale muitas coisas “indelicadas” a você depois de chamá-lo de delicado…

ol